Os melhores carros dos anos 90

Saudades do tempo em que se fazia carro de verdade. E não essa japoneizada que anda nas ruas hoje…

Segue a lista dos que na minha opinião marcaram uma época e deixam muitas saudades.

KADETT GSI

kadettcon

No início de sua fabricação, em 1989, o Kadett brasileiro trouxe para a arena esportiva o GS, um rival à altura do Gol GTS. Mas para enfrentar o GTI, pioneiro na eletrônica, seria necessário o GSi, com injeção multiponto, freios a disco nas quatro rodas, ABS opcional e painel digital, algo totalmente high tech para a época. Uma pequena partedessa produção era enviada para o estúdio de Nuccio Bertone, na Itália, onde recebia uma apaixonante carroceria cabriolet (conversível). Quatro meses depois, os carros estavam de volta à São Caetano (SP), onde eram finalizados. Assim nascia o que foi provavelmente o mais exclusivo carro brasileiro de sua época. Eu partiularmente não gosto de carros conversíveis, mas esse ficou tri loco.

MONZA

abre-Monza_SLE_02

Eleito pela Revista Autoesporte o Carro do Ano de 1983, 1987 e 1988. Lançado em Abril de 1982 inicialmente na versão Hatchback 3 portas (fabricada até 1989) com motor 1.6 e logo depois no mesmo ano ganhou opção de motor 1.8 devido as criticas com relação à performance modesta do motor 1.6. Conviveu pacificamente com o Chevrolet Vectra de primeira geração, desde o lançamento deste em 1993, até Abril de 1996, quando o Vectra de segunda geração no Brasil foi lançado, obrigando a aposentadoria definitiva do Monza em Setembro do mesmo ano. Mas há rumores de que sua saída das linhas de produção deu-se pelo motivo de ser um carro que nunca dava manutenção.

GOL (2ª Geração)

1726414_1

Pressionada pela revolução do Corsa, a geração “bolinha” garantiu a competitividade do líder de vendas da VW ao longo da década de 90. Apesar de não corrigir algumas características criticadas no projeto, como a posição de dirigir deslocada, o Gol de segunda geração suavizou as linhas totalmente quadradas do anterior, e deixou como legado o melhor desempenho de toda a sua história, materializado na forma do Gol GTI 16V, aquele com um diabólico ressalto no capô, capaz de ultrapassar os 200 km/h.

TEMPRA

tempra 1

O primeiro sedã médio da Fiat desembarcou no país em 1991. Frente aos já desatualizados Santana, Opala, Del Rey e companhia, ele exibia um ar de vanguarda européia, com linhas retas mas aerodinâmicas. Debaixo do capô, a coisa foi ainda melhor – quem não se lembra dos impactantes lançamento das pioneiras versões 16V e Turbo? Havia ainda a perua Tempra SW, com um dos maiores porta-malas já vistos por aqui. A versão Turbo andava demais!

OMEGA

omega-21-g

Provavelmente o melhor automóvel fabricado no Brasil. Elegante, espaçoso, veloz, gostoso de dirigir, moderno e durável, exibia qualidades em cada detalhe. Sedã clássico de tração traseira e motor forte - primeiro um seis cilindros alemão de 3.0 litros, depois o antigo 4.1 reformado pela Lotus – ainda teria uma versão perua com o justificado nome Suprema. Durou de 1992 a 1998, quando passou a ser apenas um entre tantos importados.


continua...

Comentários
4 Comentários

Outros blogs

2leep.com
 
Pedro Pedreiro © 2010 | Designed by Trucks, in collaboration with MW3, templates para blogspot, and jogos para pc